destaque

Ponte e Adilson Batista não chegam a acordo, e clube segue atrás de técnico

Ainda não será dessa vez que Adílson Batista comandará a Ponte Preta. Nome mais forte para substituir Felipe Moreira, demitido na semana passada, ele não chegou a um acordo com o clube campineiro, que continua atrás de um novo técnico para a sequência da temporada.

A Ponte Preta fez uma proposta a Adílson Batista na última terça-feira (7), mas as partes não chegaram a um acordo e a negociação já foi encerrada. Com isso, a diretoria da Ponte Preta segue em busca de um novo nome para comandar a equipe. Por enquanto, o auxiliar João Brigatti continua à frente do time campineiro.